GUIA DE CONDUÇÃO OFF ROAD

1 - 2 - 3 - 4 - 5

EXPEDIÇÕES
Seu Troller é um veículo desenvolvido para trabalho extremo em regiões remotas, sendo apropriado para grandes viagens e expedições. Acompanhe a seguir algumas dicas fundamentais para que sua aventura seja planejada e realizada com sucesso e segurança.

 

Revisão do Veículo
Envie seu Troller para uma revisão completa antes da viagem.
Programe a retirada do carro da oficina com no mínimo 7 dias antes da partida, pois se algo inesperado acontecer você ainda terá tempo para resolver. Faça um levantamento prévio de concessionárias e oficinas autorizadas Troller próximas a seu roteiro, que possam lhe atender em caso de problemas.

Expedições Troller

Conhecer um pouco da mecânica de seu veículo pode ser muito útil, já que nem sempre se pode contar com a ajuda de um mecânico na viagem.
Não se esqueça dos equipamentos de resgate e de uma revisão no guincho, se o tiver instalado.

 

Líquidos
O transporte de óleo lubrificante e fluído de freio requer um cuidado especial com o acondicionamento, isto porque algumas embalagens não ficam hermeticamente fechadas depois de abertas, portanto, escolha um local isolado para eles. Por outro lado você tem a água que tanto a tripulação como o veículo irá precisar durante a viagem, para ela utilize galões plásticos ou mesmo de metal, mas atente às condições dos galões de metal, para que não contaminem a água com detritos e partículas de ferrugem. Dê preferência aos modelos de aço inox. A água potável deve ser armazenada em galões perfeitamente limpos, e sempre que a fonte apresentar suspeitas, aplique cloro, pastilhas químicas para purificação ou use um filtro. Estes ítens são encontrados com facilidade em toda boa loja de equipamentos de outdoor. O combustível, que é um componente perigoso, merece toda precaução na hora de ser armazenado em outros lugares,
além do tanque principal.
O mercado oferece galões importados e nacionais, em lata e aço inox, que são os modelos ideais para o acondicionamento de combustível. Feitos com respiro para permitir a saída de gases, protegem também o conteúdo da entrada de água. Não use recipientes de plástico, pois podem provocar acidentes por dois motivos: o primeiro é quando a tampa plástica está mal fechada, provocando vazamento do líquido;o segundo é quando ela está muito bem fechada, impedindo a saída dos gases em expansão. Faíscas, um cigarro aceso ou o excesso de calor, podem provocar uma explosão com sérias conseqüências. Jamais coloque o galão de combustível dentro do habitáculo, pois, além de proibido, se houver um acidente os ocupantes poderão entrar em contato direto com o combustível, que exposto a faíscas poderá provocar um incêndio. O bagageiro ou um suporte adequado, fixado em uma das laterais traseiras, são os locais indicados para esta finalidade. 

Se usar galões reserva, procure colocar o combustível no tanque assim que possível. Deixe o galão aberto após esgotar seu conteúdo para que os gases evaporem, depois feche bem a tampa e coloque-o em seu suporte.

 

Bagagem
Programe evitando excessos inúteis. Um bom começo é separar a bagagem em quatro partes distintas: os equipamentos do veículo, estoque de alimentos, ítens de uso pessoal e material de acampamento. Coloque a bagagem pesada no fundo, isto ajuda a manter a estabilidade de seu veículo e evita que eles revirem
outros volumes.

 

Bagagem do Troller
O kit de “sobrevivência” do veículo se divide em duas partes, manutenção e resgate.

 

Kit de manutenção
Em geral deve-se lembrar de ítens como:
• 1 caixa de ferramentas que sejam adequadas ao veículo, como chaves-estrela, chaves-de-fenda, alicate, martelo, chave inglesa, talhadeira, luvas;
• 1 rolo de fita isolante;
• 1 rolo de silver tape;
• 1 câmara reserva para pneu;
• 1 compressor elétrico;
• 1 calibrador de pressão dos pneus, não confie nos medidores
que vêm embutidos em alguns modelos de compressores;
• 1 extensão de luz para ligar na bateria;
• 1 facão;
• 1 chave de roda tipo estrela;
• 1 lanterna elétrica com pilhas;
• Lâmpadas reserva para faróis e lanternas;
• 1 frasco de fluído de freio;
• 1 frasco de óleo para direção hidráulica, caixa automática, diferencial dianteiro e diferencial traseiro com Trac-Lok;
• 1 frasco com aditivo para radiador;
• 1 frasco de vedante spray para consertar pneus furados.
Procure uma marca de qualidade, nem todas são realmente confiáveis. O spray entope o bico e a válvula, que deverão ser substituídos quando o pneu for reparado;
• Filtro de ar, troque de acordo com o manual do fabricante;
• Filtros de óleo, troque de acordo com o manual do veículo;
• Óleo para caixa e diferenciais, troque de acordo com o manual do fabricante;
• 1 engraxadeira manual;
• 1 pote com graxa;
• 1 cabo para “chupeta” na bateria, procure modelos robustos, pois existem muitos modelos ruins no mercado;
• 1 pedaço de tubo/mangueira (~3m), para auxiliar no abastecimento de emergência;
• 1 frasco de limpa contato;
• 1 saco de estopa;
• 1 jogo de lonas/pastilhas de freio;
• 1 kit reserva de correias para alternador, motor, direção hidráulica, etc.
• 1 par de cruzetas;
• Fusíveis reserva, consulte sua concessionária Troller;
• Prendedores elásticos e cordas finas, para usar na organização da bagagem.

 

Alimentos
O bem estar do grupo é fundamental para o dia a dia de uma expedição e o estado nutricional deve ser o melhor possível, com uma alimentação balanceada, dividida em pelo menos cinco refeições por dia. O desjejum, o almoço e o jantar devem compor as refeições grandes, intercaladas por dois lanches menores. 

Mas como durante as viagens, trilhas e provas off-road isto é praticamente impossível, prefira sempre uma boa refeição matinal com um café da manhã reforçado por pão, de preferência integral pela maior oferta de nutrientes, achocolatados, frutas ou suco de frutas, cereais e queijo. Durante o dia opte por lanches rápidos incluindo frutas, cereais ou barras de cereais ricas em fibras, carboidratos simples e compostos, que são considerados energias de “carga rápida”, podendo ser consumidos sem exigir nenhuma preparação mais demorada. À noite, prepare uma refeição enriquecida com vitaminas e sais minerais, procurando comer legumes e verduras cruas, cereal (arroz, milho...) e leguminosas (feijão, ervilha...), que são fontes de aminoácidos essenciais, juntamente com uma fonte de proteína de origem animal, uma fruta ou uma barra de cereais de sobremesa. Não esqueça também que é uma boa pedida levar frutas in natura ou secas, além de biscoitos e sanduíches.
Tome bastante líquido, para se manter hidratado. Ao viajar para outros países, fique atento às exigências sanitárias. No Chile, por exemplo, não se atravessa a fronteira com alimentos perecíveis.
Informe-se previamente e evite aborrecimentos. Na hora de armazenar os alimentos no veículo, separe-os em caixas plásticas quadradas, em vez de redondas, pois se encaixam melhor na hora de arrumar a bagagem.

 

Bagagem Pessoal
Faça um estudo do que vai levar, procurando evitar o excesso e priorizando o tipo de clima e terreno que vai visitar. Pense na segurança e use trajes com cores fortes, como vermelho ou amarelo, pois se você se perder ou ficar ferido, será localizado por seus companheiros com mais facilidade. Trajes camuflados não são nada práticos em uma situação de risco, eles vão dificultar sua localização no meio da floresta.
O espaço disponível para a bagagem deve ser calculado, considerando como média 1 camiseta para cada 2 dias, 1 calça comprida de jeans/brim para cada 5 dias, ou mesmo para a viagem toda, 1 traje de banho,1 toalha de banho e agasalhos de acordo com o clima a ser enfrentado. Reserve um kit de roupas limpas e mais novas, para ir a um restaurante mais sofisticado ou a um encontro social inesperado no meio da viagem. Leve também seus medicamentos de uso pessoal, informe-se sobre as vacinas que são necessárias para cada região, além de um kit de primeiros socorros.
Veja a seguir algumas sugestões para a aquisição de equipamentos:


Agasalho
Para maior praticidade escolha um modelo que tenha dupla face, funcionando como uma japona comum e como uma capa de chuva.
Anorak ou Parca
Traje muito prático que serve tanto para isolar o corpo do vento gelado como protegê-lo da chuva. Feito de material leve e resistente, ele é ideal para ser usado por cima das blusas e calça.
Botas
Use um modelo que isole os pés da entrada de água e umidade. Em trilhas com atoleiros, as chances de sair com os pés secos e aquecidos é muito maior. Botas de cano alto protegem os tornozelos em casos de quedas, torção do pé e até picadas de cobras.
Chapéu e Bonés
Indispensáveis para a proteção contra o sol forte.
Material de Acampamento
Pode-se encontrar no mercado uma infinidade de apetrechos como:
Filtro de Água
O filtro biológico garante água potável na grande maioria de fontes de água suspeitas. Ele é capaz de reter vários tipos de impurezas, incluindo bactérias e fungos prejudiciais à saúde. Na próxima viagem para regiões com condições higiênicas duvidosas, não se esqueça de levar um desses.

 

Fogareiro
Existem modelos compactos que funcionam com pequenos botijões a gás e são adequados para até duas pessoas. Outra opção é o fogareiro com duas bocas e que utiliza liquinhos, que tem maior autonomia e o reabastecimento são mais fáceis no território brasileiro. Leve sempre um adaptador, caso encontre botijões incompatíveis com a rosca de seu fogareiro. Lembre-se de armazenar o liquinho fora do habitáculo de seu Troller e com toda a segurança, para evitar vazamentos de gás.

 

Lanternas
Utilize as lanternas à prova de umidade e poeira, como as usadas por mergulhadores, pois têm grande potência e possuem isolamento contra a entrada de água. Procure deixá-las sempre em local de fácil acesso, dentro do veículo, pois nunca se sabe quando será requisitada. Se viajar de avião retire as pilhas da lanterna.
Lembre-se de não jogar pilhas gastas em qualquer lugar, guarde-as e deposite em locais apropriados. Para os acampamentos prepare uma extensão de mais ou menos 5 metros com fio flexível, e instale algumas lâmpadas de 12V. A ponta deve ter um adaptador para ser colocado no acendedor de cigarros. Com isso você garante iluminação limpa em seu acampamento.

 

Barracas
Prefira os modelos tropicalizados, que são bem protegidos contra a entrada de água e possibilitam a saída da umidade. Leve um pedaço de lona plástica, com o mesmo tamanho da barraca e coloque no chão, com esta lona entre o terreno e o piso da barraca você proporciona o isolamento contra a umidade do solo. Existem modelos que são montados no teto/bagageiro do veículo. Oferecem praticidade na sua montagem e desmontagem, além de mantê-lo
bem longe do chão molhado, formigas, insetos e animais rasteiros. Faça um teste de direção após a montagem, já que peso vai influenciar na estabilidade de seu veículo.

Saco de Dormir
Use modelos nacionais, que lhe garantem assistência técnica permanente e muitos anos de uso. Escolha um modelo com isolamento térmico adequado à região que vai visitar.
Providencie também um pequeno travesseiro, para evitar a desconfortável improvisação com roupas e casacos, ele poderá ser guardado junto com o saco de dormir. Um cobertor de reserva também pode ser útil.

 

Equipamento Complementar
Para completar as dicas acima, veja se não esqueceu também de:
• Mapas;
• Binóculo;
• Bússola ou GPS (não jogue pilhas gastas em qualquer lugar, guarde-as e deposite-as em locais apropriados);
• Equipamento de comunicação;
• Câmera fotográfica, filmes e bateria reserva;
• Filmadora e baterias com meios de recarregá-las;
• Kit de pescaria;
• Geladeira elétrica de 12V, use durante o dia e desligue a noite, poupando a bateria.

Texto Escrito por: 

João Roberto Gaiotto

41 3085-7467 / 41 9934-9277

www.tecnica4x4.com

João Roberto é um dos fundadores, em 1993, da primeira agência brasileira voltada ao turismo OverLand, participou por 4 anos das atividades do Jeep Clube de Curitiba. Organizou e participou de várias expedições 4x4 pelo Chile (Carretera Austral, Deserto de Atacama), Argentina (Patagônia e Cordilheira dos Andes), Uruguai, Sul do Brasil e pantanal do Mato Grosso. Em 2003 escreveu, produziu, co-dirigiu e apresentou o DVD Técnica 4x4 - Four Wheeling Tips.

Organiza expedições overland 4x4 pela Namíbia, Botswana e África do Sul desde 2004.

Páginas

1 - 2 - 3 - 4 - 5

Contato

Sobre

O site partiu de uma iniciativa particular de Fabio Roberto, Trollerio e fã da marca, nosso site tem objetivo de facilitar a manutenção do seu Troller, reunindo em um só lugar tudo sobre o Troller e seus componentes além de matérias com  dicas de manutenção.  

Algumas marcas que aparecem em nosso site são amigos que apoiaram a iniciativa e contribuem com conteúdo ou respondendo questionamentos e dúvidas diariamente.

Ajude a divulgar

Cole um adesivo, conte para um amigo, apoie essa iniciativa.

logo T4 CLUBE BRASIL.png