Contato

Sobre

O site partiu de uma iniciativa particular de Fabio Roberto, Trollerio e fã da marca, nosso site tem objetivo de facilitar a manutenção do seu Troller, reunindo em um só lugar tudo sobre o Troller e seus componentes além de matérias com  dicas de manutenção.  

Algumas marcas que aparecem em nosso site são amigos que apoiaram a iniciativa e contribuem com conteúdo ou respondendo questionamentos e dúvidas diariamente.

Ajude a divulgar

Cole um adesivo, conte para um amigo, apoie essa iniciativa.

  • Fabio Roberto - @t4zeroum

Os Cuidados na Travessia de Rios e Trechos Alagados


Uma das qualidades principais do Troller é a possibilidade de transpor riachos e trechos alagados sem maiores dificuldades, o motor diesel, carroceria de fibra com drenos internos, respiros elevados e snorkel nos passam a impressão que podemos entrar em qualquer riacho ou alagamento pelo caminho, mas a realidade não é bem assim.

É facil encontrar inúmeros vídeos no youtube onde o Troller aparece com a água no meio do para-brisa, mas só faça isso se conhecer o local e principalmente se conhecer bem os limites de seu veículo.


O que você deve saber sobre seu Troller antes de entrar em um riacho ou alagamento:

  • O Troller possui uma caixa dentro do cofre do motor onde estão localizados todas as pontas das tubulações dos respiros, tanque, caixa de transferência, diferenciais, câmbio, tudo tem respiro, se sua travessia superar a altura dessa caixa corre o risco de contaminação dos fluidos, principalmente se necessitar ficar parado com jipe submerso.

  • Do lado esquerdo do painel existe uma furação que permite a entrada de ar externo, se entra ar também entra água, então se a travessia de trechos alagados é sua diversão é melhor tampar essa abertura com silicone.

  • É obrigatório a aplicação de silicone para vedar a tampa do filtro de ar.

  • Independente da profundidade e tempo submerso vai entrar água no diferencial dianteiro e será necessário substituir o óleo, existem algumas técnicas que amenizam este problema, uma delas esta em nosso site, aqui.

  • Existe ainda a remota possibilidade de entrar água no câmbio pela haste da alavanca, a vedação da haste é simples e o Ronald #Dr.Troller, da a dica confira o vídeo.


Sabendo de tudo isso sobre o Troller, abaixo esta uma lista que você deve saber para garantir sua segurança e de seus passageiros.

  • Antes de entrar com o carro na água, faça a travessia a pé e verifique a profundidade para não haver obstrução da entrada de ar do motor. Se a profundidade exceder 80 centímetros (sem snorkel) é melhor procurar outro caminho.

  • Confira se há obstáculos que podem se chocar com o diferencial, cárter e buracos escondidos na água, que podem fazer a frente do carro mergulhar.

  • Planeje a rota por onde vai entrar e sair da água, pois barrancos molhados podem dificultar a manobra.

  • Engate a primeira ou a segunda marcha reduzida (4x4L), evite troca de marchas durante a travessia.

  • O deslocamento não deve ser tão rápido a ponto de espirrar água no para-brisa, mas suficiente para formar uma pequena onda à frente do para-choque dianteiro. Isso vai provocar uma depressão embaixo do motor, criando uma camada de ar entre ele e a água. Siga dessa maneira até o final da travessia.

  • Se possível, dirija a favor da correnteza e em diagonal para a outra margem.

  • Não pare durante a travessia, mas se um imprevisto obrigar a isso, mantenha o motor ligado e ligeiramente acelerado, para evitar que a água entre pelo escapamento.

  • Evite trechos profundos com correnteza forte, para não ser arrastado pela água.

  • Caso entre água pelo filtro de ar e o motor pare de funcionar não fique insistindo em faze-lo funcionar novamente, reboque para fora da água.

  • Iniciar a travessia com uma cinta ou corda presa no gancho dianteiro pode facilitar o resgate caso tenha necessidade.

Essas são algumas dicas básicas para sua aventura off-road não terminar em uma grande dor de cabeça.


Abraço!

Fabio Roberto

#trevessia

4,445 visualizações
logo T4 CLUBE BRASIL.png